O Centro Cultural de Cabo Verde, em Lisboa

“Espera-se que a equipa de gestão do CCCV promova um efetivo conhecimento, através de uma aposta sólida na investigação, pesquisa e divulgação dos reais valores da cultura cabo-verdiana e do seu posicionamento no mundo. Caso essas premissas não sejam devidamente acauteladas, o CCCV poderá correr o risco de (como sucede com outros espaços culturais em Lisboa) se transformar em mais um “palco” de vedetas disfuncionais titulares de apelidos sonantes, mas que, efetivamente, pouco representam o verdadeiro pulsar criativo da cultura cabo-verdiana. Outro grave risco, caso falhe a missão identitária do CCCV, será o de se ver convertido em salão reservado ao convívio das elites e patrícios que se movem pela capital lusa (alguns com honrarias de estado), apregoando tão só a beleza dos ‘ventos mornos'”.

Artigo Integral – https://santiagomagazine.cv/index.php/mais/n-colunista/3118-o-centro-cultural-de-cabo-verde-em-lisboa?fbclid=IwAR2ipXGauioxodEoUfHuvnt5VZKkt1W4RUaq-3pH8sovFXr14vfwkynEu9E

Sabe bem partilhar com os outros...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *